Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O Colégio Batista realizou um trabalho com os alunos do Ensino Fundamental II, nas aulas de Filosofia e Orientação Escolar, sobre o uso da internet.

Sabemos que ela é uma rede mundial de extrema importância, mas seu uso deve ser consciente.

Surgiu com objetivos militares, durante a Guerra Fria, na década de 1970, depois passou a ser utilizada para fins acadêmicos nas universidades e hoje é considerada uma das maiores criações tecnológicas com aplicabilidade em vários setores e uma infinidade de recursos: acadêmicos, de entretenimento, comercial, empresarial, jornalístico entre outros.

Não conseguimos imaginar o mundo hoje sem a internet, entretanto ela não é apenas uma rede de computadores, é uma rede de seres humanos, que se relacionam, conectam-se, divertem-se, trabalham e que possuem uma identidade.

Assim como na sociedade formal, para se viver nessa imensa rede devemos ter a  lucidez de que ela não é uma terra sem lei.  Estamos sujeitos às leis que a regem e devemos ter muita cautela, afinal, não temos nenhuma garantia de segurança nessa imensa rede.

A porta de acesso aos jovens através da internet é quase ilimitada, onde tudo é possível e permitido, mas é preciso refletir que nem tudo convém. Por isso é necessário pensar antes de postar fotos, vídeos e comentários.

Nessa vitrine de possibilidades, trabalhamos com diversas situações que nossos alunos podem enfrentar na internet. Entre elas, tratamos sobre  o Ciberbullying relacionado à intimidação, humilhação e a ameaças  que uma pessoa pode sofrer pela internet, que pode ter consequências emocionais graves.

Também falamos do Sexting ou nude  que diz respeito aos  adolescentes ou jovens que trocam imagens de si mesmos com pouca roupa ou nus, mensagens com textos eróticos,  ou brincadeiras sensuais entre amigos, namorados  ou pretendentes.

Falamos sobre o aliciamento de menores, dos perigos deles se corresponderem nas redes sociais com pessoas desconhecidas, da importância de  resguardarem seus dados, suas fotos e informações pessoais. Aliciadores geralmente são adultos que fazem parte de redes criminosas, podem ser pedófilos, que tentam ganhar a confiança de adolescentes para manipulá-los para tirar proveito. Existem casos de abuso sexual e sequestro de adolescentes que caem nas armadilhas dessas pessoas mal intencionadas.

O uso excessivo das redes sociais foi outro assunto abordado durante o trabalho. O tempo que um adolescente permanece conectado tem sido uma grande  preocupação de muitas  famílias. Sabemos que isso pode se tornar um vício e ter consequências sérias prejudicando seu desenvolvimento saudável.

 A internet é uma grande rede de entretenimento e por ser tão prazerosa, os adolescentes podem ter dificuldade de controlar seu uso. É preciso ficarmos atentos,  alguns sinais são importantes para verificarmos  se a sua vida on line está passando dos limites. Alguns desses sintomas podem ser relacionados  à queda de suas notas na escola,  dificuldade em se concentrar, demonstração de  ansiedade ou irritabilidade quando tenta controlar o tempo de conexão nas redes sociais ou jogos on line, dificuldade  em cumprir rotinas como: hora de comer, dormir, estudar, tomar banho ou na realização de  pequenas tarefas estipuladas pelos pais.

É muito importante que os pais acompanhem de perto a vida de seus filhos nas redes sociais. Para as crianças menores é necessário um acompanhamento mais de perto  em relação aos conteúdos que eles podem ter acesso e, quanto aos filhos adolescentes, é importante estabelecer um bom diálogo, como também regras bem estabelecidas das tarefas que devem desenvolver, e dos horários do seu dia a dia e da responsabilidade com os seus estudos.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.